Editorial

Alfonso Vargas Sánchez

Abstract


Até 31 de julho de 2016 a revista Tourism & Management Studies
publicava 2 vezes por ano, sendo um número em português (no
início do primeiro semestre) e outro em português e espanhol (no
início do segundo semestre). É com algum desgosto que
anunciamos que o presente número 12(2) vai ser o último em
língua espanhola e portuguesa. Sentimos desgosto porque
consideramos que essas línguas, com cerca de 700 milhões de
falantes nativos, desempenham um papel importante no mundo;
porque foram as primeiras línguas da globalização a partir do
século XV; porque ambas são o veículo de comunicação entre
povos muito diversos de múltiplos continentes; e porque ambas
representam patrimónios culturais riquíssimos.
Contudo, a globalização da Ciência, facilitada pela Internet, fez
emergir uma língua acima de todas as outras, o inglês, que se
tornou a língua universal de divulgação da Ciência no século XXI.
De tal modo, que as publicações internacionais com aspirações a
serem lidas e citadas em todo o mundo não se possam permitir
negligenciar o inglês.
No caso da revista Tourism & Management Studies os números
evidenciam que os artigos da revista que nos últimos anos foram
citados por revistas internacionais de topo (dos universos Web of
Science e SCOPUS), foram artigos publicados em inglês. Assim, ao
anunciarmos que a partir do segundo semestre de 2016 a revista
Tourism & Management Studies publicará apenas em inglês,
estamos conscientes da importância que a nossa decisão terá para
o percurso futuro da nossa revista como publicação internacional.
A partir de 2017 a revista passará a publicar com uma regularidade
trimestral em vez de semestral. E pela primeira vez passará a
disponibilizar os artigos de números futuros antes da data
anunciada da sua publicação. Esses artigos encontrar-se-ão
perfeitamente citáveis, já que possuirão DOI e numeração de
página dentro do respectivo número em que serão publicados.
Dessa forma, ao disponibilizarmos os artigos antes da sua data
anunciada de publicação estaremos a antecipar o seu processo de
leitura e citação, o que naturalmente terá reflexos positivos no
respectivo factor de impacto. E, por outro lado, reduzirá
drasticamente o tempo de espera entre a submissão e a
publicação dos artigos.
Estamos seguros de que as nossas opções editoriais serão
benéficas, simultaneamente, para leitores e autores. E,
naturalmente, também, para a construção e divulgação do
Conhecimento enquanto objectivos primordiais da nossa revista.
Alfonso Vargas Sánchez
Editor


Full Text:

PDF (PT)




Copyright (c) 2016 Tourism & Management Studies

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.